Cosméticos naturais, orgânicos e veganos

Cosméticos naturais, orgânicos e veganos

A preocupação com a origem do que consumimos vem crescendo a cada dia. Assim, a nova geração tem mostrado a importância de se respeitar todo o processo da cadeia produtiva, desde a matéria-prima, os trabalhadores, até a forma de se embalar um produto ou a experiência final de um serviço.
Os cosméticos são alvo, regularmente, do controle de organizações reguladoras e de consumidores que buscam produtos de origem pacífica, natural e claro, excelentes em resultado.

Existem algumas diferenças entre produtos de beleza naturais, orgânicos e veganos. Você sabe entender o rótulo?

Cosméticos naturais

Parece óbvio, mas cosméticos naturais têm matéria-prima natural. E o que isso significa?

Que existe uma lista proibitiva de certos princípios ativos, prevalecendo, dessa forma, os naturais em sua composição e que também não podem ser testados em animais.

Cosméticos orgânicos

Sustentabilidade é, com certeza, a palavra que define um cosmético orgânico.

Com critérios mais rigorosos que um produto natural, além disso, mantém o princípio de não testar em animais. São livres de agrotóxicos e produtos e adubos sintéticos, e com descarte de resíduos aperfeiçoado.

Cosméticos veganos

O veganismo é um estilo de vida onde as pessoas que o seguem respeitam normas de alimentação, de vestimenta etc, sempre levando em conta o bem-estar animal.

Porém, no cosmético vegano, pode ser utilizado insumos sintéticos, desde que não haja prejuízo animal.

E você, o que acha desse movimento? Costuma atentar para os rótulos dos cosméticos?
Queremos saber!

Compartilhe:
×